Skip to main content Skip to search

Tomografia de coerência óptica (OCT)

Tomografia de coerência óptica (OCT)

A tomografia de coerência óptica (OCT) utiliza a luz refletida pela retina e um espelho de referência para quantificar a espessura da camada de fibras nervosas retinianas, gerando imagens tomográficas de alta resolução das microestruturas oculares, com alto grau de reprodutibilidade. A imagem mostrada no exame equivale a um corte histológico da retina in vivo, podendo ser avaliadas praticamente todas as suas camadas. As informações estruturais são obtidas de maneira não invasiva e com elevado detalhamento, sem necessidade de contraste ou preparo do paciente. Permite não só mensurar, mas também acompanhar patologias longitudinalmente, o que o torna bastante útil na avaliação de resposta a certos tratamentos (como, por exemplo, no edema macular diabético). Indicações: doenças maculares, tais como: edema macular diabético; edema macular cistoide; adesão vitreomacular; buraco macular; membrana epirretiniana; retinosquise; degeneração macular relacionada à idade, distrofias maculares. E glaucoma: o aparelho é capaz de medir a escavação e a espessura de camadas de fibras nervosas e sua comparação em exames seriados.